Loading...

quarta-feira, 8 de junho de 2011

Prendam o Palocci. Soltem os bombeiros!

Complemento dizendo: "Prendam o Palocci, todos os corruptos da ALEPA e soltem os bombeiros"
Por Gabriela Rosa, do Megafonadores*
Duas pautas ganharam evidência no Brasil nos últimos dias. No final de maio, veio à tona denúncias de que o velho e conhecido Palocci teria aumentado 20 vezes o seu patrimônio desde 2006. No período, Palocci comprou um apartamento de R$ 6,6 milhões e um escritório de R$ 882 mil. No entanto, mesmo que o atual Ministro da Casa Civil, que à época, era Deputado não gastasse um mísero centavo do seu salário, em 4 anos, não conseguiria acumular nem mesmo R$ 1 milhão. Médico Sanitarista por formação, Palocci alega que o rápido enriquecimento se deve a prosperidade de sua empresa de Consultoria Econômica. Mas porque essa empresa seria tão próspera? Seria por conta da sua influência?
Mais recentemente, outra pauta que ganhou destaque nos jornais e nas redes sociais foi a greve dos bombeiros do RJ que ocuparam o Quartel Central reivindicando melhores salários e condições de trabalho. No último sábado, a mando do Governador Sérgio Cabral a manifestação foi duramente reprimida pelo o BOPE (Batalhão de Operações Especiais) que invadiu o local usando gás lacrimogêneo e balas de festim. Muitas pessoas ficaram feridas, uma mulher grávida sofreu um aborto e o BOPE acabou prendendo 439 bombeiros que, embora a comoção da sociedade, ainda não foram soltos.
O mais novo apartamento do Palocci custou o mesmo que o salário de quase 7 mil bombeiros. Palocci está solto. O Procurador-Geral da República já arquivou o pedido de investigação sobre Palocci, que provavelmente nem será julgado. Os bombeiros, trabalhadores, mal remunerados, já estão pagando pelo crime de protestar por melhores salários. A (ex)guerrilheira Dilma que blindou Palocci não está nem aí para os bombeiros.
Prendam o Palocci. Soltem os bombeiros!

Nenhum comentário:

Postar um comentário